BLOGGER TEMPLATES - TWITTER BACKGROUNDS »

15/07/07

De pequenino é que se torce o pepino!






Antes de prosseguir com a minha nova postagem, deixo uma homenagem a todos aqueles que acharam que eu estava a desafiar os benfiquistas..porque não estava mesmo! João Barciela, é para ti e para a tua mulher! Mafalda (a minha mana mais velha) tu é melhor nem dizeres nada, porque se fosses do Porto em vez do benfica, eras perfeita.. Mas deixa lá.. é deficiência genética, transmitida pelo pai...


É lindo o mundo visto assim, não é?


Bem, o que me trás aqui hoje é algo realmente pedagógico:
Ora bem... Sexo em plena luz do dia, de uma maneira hummm... arrojada e com a criança a ver. Penso que esta amostra de pessoa não terá hipótese de se iludir com conversas de chacha tipo CEGONHA, SEMENTES E ALFACES... Pais de portugal, se querem evitar dores de cabeça quando a tão receada pergunta aparece (COMO NASCEM OS BEBÉS???), sigam este exemplo!!!

9 opinioes relvoltadas:

Tita disse...

Cliquem na imagem para a alargar! enjoy the post ;)

cristóvão silva disse...

realmente uma bela aula de biologia :)lol

BeHappy disse...

WTF?!! :O

Só tu para descobrires estas cenas!!

migvic disse...

Que tristeza...e com um fotógrafo a olhar.

o cota disse...

mt bem,portista até morrer...ñ sei como aguentas tant lampião em casa...ñ t eskeças das pinturas!!!qt ao video:no coment...bj

Ramoa disse...

Será que colocaram o cinto de segurança?

pisconight disse...

Ele há pessoas... que enfim...
;)

_Ricki_ disse...

Ora nem mais...contra factos nao exitem argumentos.

Anónimo disse...

Hahaha,já assisti a uma cena assim da minha varanda, era de noite mas estavam estacionados justamente debaixo do candeeiro, noite de verão umas 23h, mta gente na rua a passar mas eles n tavam nem aí, via-se mesmo tudo,a menina morava la no prédio do lado, giro era se o pai da menina fosse despejar o lixo ou assim e se deparasse com a cena,hahahah!A Amadora é farta em acontecimentos escalabrosos,hahaha! Se calhar até já repetiram a façanha eu é q já la n moro!bj